Urpi Montoya Uriarte

É antropóloga, formada na Universidad Nacional Mayor de San Marcos (1992) e doutora em História, pela Universidade de São Paulo (1997), com pós-doutorado na Universidade Federal de Pernambuco (2008) e no CIES-ISCTE-IUL (2017). É docente e chefe do Departamento de Antropologia da Universidade Federal da Bahia e professora permanente e membro do colegiado do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da UFBA. Suas pesquisas e publicações emergem do diálogo entre a Antropologia, o Urbanismo e a História e tem no centro de Salvador o seu núcleo central, abordando os temas do habitar, do bairro, do uso dos espaços, a memória e as temporalidades, em meio a processos de requalificação, gentrificação e resistências.


Email: urpi@terra.com.br

Publicações selecionadas:

Uriarte, Urpi M., Entra em beco, sai em beco. Formas de habitar o centro, Salvador e Lisboa. Salvador: Edufba, 2019, http://www.edufba.ufba.br/2019/05/entra-em-beco-sai-em-beco-formas-de-habitar-o-centro-salvador-e-lisboa/

Uriarte, Urpi M., Avenida Sete. Antropologia e urbanismo no centro de Salvador. Salvador: Edufba, 2017, http://www.edufba.ufba.br/2019/09/livro-do-mes-setembro2019/

Uriarte, Urpi M. e Eunice Maciel. Patrimônio, cidades e memória social. Salvador, Edufba; ABA Publicações, 2016, http://www.aba.abant.org.br/?/publicacoes

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-71832017000300419


Categorias-

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.